VOCÊ SABE O QUE É ENXAQUECA?

 

 

       A enxaqueca é uma doença crônica e incapacitante, de ordem neurológica, que chega a atingir 15% da população do Brasil. Mas você sabe realmente o que é a enxaqueca?

      A enxaqueca é decorrente de um desequilíbrio multifatorial, podendo ter causas genéticas e envolver aspectos neuroquímicos, hormonais e comportamentais (hábitos e estilo de vida). A dor de cabeça é um dos seus sintomas mais comuns, mas pode haver náuseas, vômitos e hipersensibilidade à luz, som ou odor.

      O sintoma mais comumente presente é a dor de cabeça latejante em qualquer parte da cabeça, incluindo-se face, dentes ou nuca. A pessoa que sofre de enxaqueca pode apresentar apenas um, ou vários sintomas, por isso muitas vezes a enxaqueca é confundida com outra doença. 

 

      Ao contrário da crença comum, a enxaqueca pode ser incapacitante, já que sua duração pode levar de 2 a 72 horas em média, interferindo significativamente em todas as áreas da vida do seu portador. Cabe destacar-se a importância do reconhecimento dos principais ativadores individuais da enxaqueca, conhecidos como gatilhos. Por exemplo: claridade, barulho, fome, mudanças na pressão barométrica, oscilações hormonais, ausência ou excesso de sono, ingestão de álcool e outros estímulos químicos.

      Atualmente, um tratamento moderno e altamente inovador que pode ser utilizado contra a enxaqueca é o neurofeedback. Esse método, que atua diretamente a nível cerebral, sem medicamentos ou quaisquer procedimentos invasivos, é uma alternativa saudável e eficaz contra a enxaqueca, pois desenvolve a capacidade de autorregulação do indivíduo, reequilibrando sua fisiologia sem fármacos. Essa técnica é grandemente difundida na Europa, Austrália, Estados Unidos e Canadá, e traz benefícios comprovados no tratamento de diversos quadros, inclusive o de enxaqueca, melhorando significativamente a qualidade de vida do paciente.